Cinto e gravata: como usar

13/10/19|MODA MASCULINA

Desde o momento em que os meninos colocam o primeiro par de sapatos, ouvem dos pais, dos tios e dos vendedores nas lojas: “As cores dos sapatos e do cinto devem combinar!". Trata-se da linha clássica – e não à toa essa ideia vem sendo repetida há tanto tempo… É fato que funciona! Nessa conta entram também outros acessórios – no mundo ideal, até a pulseira do relógio é do mesmo tom. 

Para falar a verdade, sapato e cinto combinados têm muito charme, especialmente quando a ocasião é formal. Mas, ao contrário do que se dizia antigamente, os tons não precisam ser exatamente iguais. Marrom escuro com escuro? Avermelhado com avermelhado? Não necessariamente. A etiqueta antiga da moda masculina ditava a combinação total entre peças, mas a nova permite variações entre os tons. 

Harmonizado o cinto com o sapato, é hora de pensar na gravata. E aí o contraste no duo gravata e cinto é não apenas permitido, mas desejado! Gravatas – no formato clássico ou no formato slim, que é uma gravata mais fina – são elementos que costumam aparecer no guarda-roupa para dar uma acabamento arrumado. Para um resultado elegante, vale apostar na harmonia de padronagens e cores da gravata com a camisa e as outras peças do look, como o blazer, os sapatos e, claro, o cinto. 

Quer ver exemplos de qual gravata combina com qual cinto? Abaixo, algumas dicas de estilo e combinações para inspirar: