Diminuindo a carne no cardápio

21/10/19| BEM-ESTAR

Talvez você esteja querendo levar uma vida mais leve, ou procurando ter uma alimentação mais saudável. Quem sabe, até, deseja causar menos impacto no meio ambiente. Várias podem ser suas razões para decidir comer menos carne, então, saiba como começar a ser vegetariano e quais cuidados tomar.

O que é vegetarianismo?

O vegetarianismo é uma forma de se alimentar que não usa nenhum tipo de carne animal. Ou seja, nadinha de carne de boi, peixe, porco, ou de outro tipo de animal. Existem diferentes vertentes: algumas incluem ovos, leite e derivados no cardápio, outras (veganismo) excluem totalmente o consumo de qualquer produto de origem animal, incluindo mel.

Como começar a ser vegetariano?

Antes de mudar completamente sua dieta, se informe sobre as necessidades de adaptação do vegetariano. O mais indicado é consultar um nutricionista para te ensinar as melhores substituições nutricionais, ainda mais se estiver em fases da vida como infância, adolescência, gravidez ou amamentação. Inicie a transição no seu ritmo, cortando a carne em algumas refeições ou por alguns dias na semana, até decidir eliminá-la completamente. Use temperos e especiarias, como cominho, açafrão, páprica e alho.

  • folhas verde-escuras: como rúcula, espinafre e couve;
  • legumes: como abobrinha, tomate, batata, cenoura;
  • leguminosas: como feijão, lentilha, soja e grão de bico;
  • cereais: como arroz integral, quinoa, musli, aveia;
  • oleaginosas: como castanhas, nozes, amêndoas;
  • sementes - como chia, linhaça, semente de girassol.

Benefícios de ser vegetariano:

Estudos apontam resultados positivos na saúde dos vegetarianos, como: redução dos níveis de colesterol ruim, redução de risco de doença cardiovascular, diminuição da hipertensão arterial e do risco de desenvolver diabete tipo 2. Já que você passa a consumir mais frutas, verduras, legumes e oleaginosas, alimentos ricos em antioxidantes, que combatem os radicais livres, acaba por desenvolver mais vitalidade, disposição e prevenir o envelhecimento precoce. Além disso, o maior cuidado com a alimentação geralmente traz hábitos saudáveis como prática de exercícios físicos e de atividades para reduzir o estresse, como yoga e meditação.

Cuidados ao ser vegetariano

É preciso ficar ligado em questões como o consumo de ferro, vitamina B12, cálcio e proteína. Por exemplo, nenhum alimento vegetal contém a vitamina B12 da forma utilizada pelo nosso organismo, que está presente especialmente em salmão, atum, fígado, leite e ovos. Por isso é sempre importante consultar o nutricionista e fazer exames de saúde periódicos para avaliar os níveis dessas substâncias. Cuidado também com o equilíbrio dos grupos alimentares, para não consumir apenas carboidratos, ou exagerar nos doces, por exemplo.

Para saber mais:

Quer se aprofundar no vegetarianismo? Se liga nesses livros e filmes que trazem informações, dicas, experiências e receitas especiais para os vegetarianos:

+livros:

Bela Cozinha – Ingredientes do Brasil, de Bela Gil;

Virei vegetariano – e agora?, de Eric Slywitch;

O dilema do onívoro, de Michael Pollan.

+docs:

Foodmatters, de James Colquhoun e Carlo Ledesma;

Cowspiracy, de Kip Andersen e Keegan Kuhn;

A carne é fraca, de Denise Gonçalves.

CADASTRE-SE E RECEBA NOVIDADES EXCLUSIVAS